«Tenho pensamentos que, pudesse eu trazê-los à luz e dar-lhes vida, emprestariam nova leveza às estrelas, nova beleza ao mundo, e maior amor ao coração dos homens» Fernando Pessoa

Blog da Sara

01
Set 08
Leve Beijo Triste - Paulo Gonzo ft Lucia Moniz

Ontem, no meio de uma conversa mais agitada, alguém me acusou de me armar em importante. Não vou negar que aquilo me tocou, sim, fez-me pensar na forma como eu estava a agir, na maneira que rumava uma amizade que fizera parte de mim tantos anos. Senti-me culpada, pensei que procurava erros nos outros sem ver que só eu os tinha - mas estava a construir uma idealização falsa; a culpa nunca pode ser de só um quando uma relação acaba.

Sempre julguei ter muitos amigos mas, na hora da verdade, conto pelos dedos os que se preocupam comigo.

No meio desta fatalidade momentânea, desta loucura intemporal, a pessoa a quem eu me orgulho de chamar melhor amiga - pois já provou que está sempre disposta a ajudar-me e a defender-me - disse-me: "Tu não precisas de te armar em importante, tu és importante; pelo menos para os teus verdadeiros amigos". E estas palavras marcaram-me mais do que quaisquer outras. Pela primeira vez em muito tempo, senti que realmente era importante para alguém. E apenas são especiais aqueles para quem sou algo mais - os outros, por mais que me custe, é olhar uma última vez para trás e seguir em frente. Sem hesitações, sem voltar atrás.

 

Sara Quelhas

publicado por Sara e Teresa às 09:04

Autoras:

 

Sara Quelhas

Mª Teresa Corte-Real

E-mail:

 

saraeteresa@sapo.pt

arquivos
Estadisticas y contadores web gratis
Estadisticas Gratis
mais sobre mim
Setembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9

15
19

27

28
29
30